terça-feira, 7 de outubro de 2008

Teu corpo deitado...

acorda desejos não confessados.

(Eugénia Tabosa)

8 comentários:

Quase Trinta disse...

lindo o poema...
obrigada pelo selinho

Késia Maximiano disse...

Linda frase...

Bjs

Vivian disse...

...realmente lindos.
texto e imagem.

parabéns, linda!

Jac C. disse...

Frase intensa.
Passa um monte de coisas na cabeça da gente ao lê-la.
Bjs

Tentativas Poemáticas disse...

Ana
"Além do Horizonte" é um blogue que me faz sonhar, acordado.
O Prémio é bem merecido. O meu Prémio para si é em forma de palavras, pois ainda não sei trabalhar com publicação de fotos e outras coisinhas lindas como as que encontro nos outros blogues.
Parabéns.
Como gosto de Tom Jobim! Como gosto de Jorge Amado. Li os "Capitães da Areia" com 14 anos de idade. Jamais o esqueci. Os Jota Quest conheço-os do programa "Tudo é Possível", da adorável Eliana.
Bjs
António

Cadinho RoCo disse...

Os desejos inconfessados são ótimos.
Cadinho RoCo

Nanda Assis disse...

é verdade, qndo vejo meu marido deitadão dá até uma coisa!!!

bjosss...

* O Cantinho da Lia * disse...

Ultimamente não tenho visto ninguém deitado...
Que lastima não?rsrs

Linda postagem...

Beijinhos.