terça-feira, 2 de dezembro de 2008

Mudança...

ninguém muda ninguém;
ninguém muda sózinho;
nós mudamos nos encontros.

(Roberto Crema).

11 comentários:

Nanda Assis disse...

é, e nem devemos mudar aquilo, que de cara gostamos da forma que é, pq com o tempo temos a mania de querer mudar as coisas ou os outros?

bjosss...

LOURO disse...

Olá Amiga Ana, belas as tuas palavras certíssimas... Gostei!
Um beijo deste Amigo,
Lourenço

Vivian disse...

...ai me lembrei deste pensamento:

'livros não mudam o mundo.
quem muda o mundo são as pessoas
depois de lerem os livros'

bjus

Eliana disse...

Mudamos quando tomamos consciência do nosso erro e permitimos que Deus, pela Sua graça, nos transforme, dia-após-dia, a cada encontro.
Beijos,

FRAN "O Samurai" disse...

Oi Ana!

Interessante essas palavras...

Mas acredito que mudamos, independente de encontros, pessoas ou circunstâncias, somente se, realmente quisermos mudar!

Mas isso vai muita da personalidade da pessoa.

Mas acho errado querer mudar alguém, lógico que se resulte em algo bom, é válido. Mas do resto não sou a favor.

Mudar alguém é destruir uma personalidade única e resultará em uma cópia perdida.

Refleti muito sobre isso.

Beijos.

Quase Trinta disse...

Ninguém muda ningúem.
A frase já poderia parar por aí e já seria perfeito se todos pudessem entender e aprender com as diferenças

paula barros disse...

Cada frase dita tem muito do que penso.

Hoje falei desses encontros com relação ao virtual, e que ele pode nos levar a nos compreeender.

abraços

Gabi disse...

nós mudamos nos encontros...

será que tbm nos desencontros?
e nos reencontros?

bjos

Conde Vlad Drakuléa disse...

Impossível não mudar nos encontros, sábia filosofia, beijos minha adorada Ana... :)

ICH LÍEBE DÍCH disse...

Oi Aninha!
Estou em falta com vc novamente....
Mas começaram minhas encomendas de natal.....dai já viu!!! Só tenho tempo de postar..... e correr!
Mas.....amiga!!!!
Como esta lindo seu cantinho....adorei as mudanças.
Tenha uma sexta iluminada....
Bjs..
Dina

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá querida Ana, como sempre a verdade mora contigo... Beijinhos de carinhoe ternura,
Fernandinha