segunda-feira, 24 de novembro de 2008

O Silêncio...


não há nada que valha a dignidade
do silêncio.
(Júlio Dantas).

8 comentários:

VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

" O Silêncio é de ouro e a palavra, de prata." Assim, reza o ditado popular. Mas o silêncio não pode ser cúmplice de atos indignos, pois se se prestar a isso se transforma em omissão, o maior dos crimes contra a Humanidade e à VERDADE.
Ótimo post, Ana!Bjs

MPereira disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
FRAN "O Samurai" disse...

Oi Ana!

O silêncio é como o abraço de Deus!

Eu amo estar em um lugar silencioso, é por isso que adoro a noite e prefiro ficar acordado para fazer minha coisas com calma, como ler, escrever e navegar na net.

O barulho do dia me irrita, me estressa e me retira o bem estar.

Um dia vou ter uma casa no campo afastada da loucura das grandes metrópoles. Assim poderei relaxar e fazer as coisas que me dão prazer.

Ótima postagem e adorei a foto!

Beijos amiga!

Vivian disse...

...estou com a Vanuza, e portanto
tbm penso que muitas vezes o silêncio já encobriu muitos
deslizes da humanidade.

gosto sim daquele silêncio
interior, onde posso ouvir
minha consciência.
deste não abro mão.

bjus, linda!

Taís disse...

Ahhh o silêncio... eu ando precisando tanto tanto de um pouquinho dele por aqui.
O barulho do nada, desses de conseguir ouvir até pensamentos.
Na correria do dia-a-dia, entre telefone, celular, gente falando o dia todo, o silêncio me acena como um oásis no deserto.
Aí aí
Bjinhos

Eliana disse...

Saber quando calar e quando falar, é uma arte que só Deus, pela Sua graça, pode nos dar.

Que Deus te abençoe com a Sua graça,

Beijos,

Camila disse...

Concordo demais!
O silência as vezes é a melhor resposta!
Beijos

Victor Manfredine disse...

é pra comentar,
ou pra ficar quieto,
calado, em silêncio? =D